Política

ELEIÇÕES 2016: O que pode e o que não pode no dia da votação

Terça-feira, 27 de Outubro de 2020 às 07:16

Por Redação in Foco
Sexta-feira, 30 de setembro de 2016, às 16h20.
unnamed (3)

Por Renata Mofatti

No próximo domingo (2), mais de 18 mil eleitores de Mimoso do Sul devem ir às urnas para escolher prefeito e vereadores. O eleitor pode ir à sua seção eleitoral e votar das 8h às 17h. Em seu título de eleitor, constam informações sobre a zona eleitoral e a seção onde vota. Mas, se o eleitor não sabe onde vota ou perdeu seu título, pode consultar o local de votação e o número do seu título no Portal do TSE. Para esta consulta, basta informar o seu nome, data de nascimento e nome da mãe.

No dia da eleição, não é obrigatória a apresentação do título de eleitor. No entanto, é necessário apresentar ao mesário um documento oficial com foto (carteira de identidade, passaporte, carteira de categoria profissional reconhecida por lei, certificado de reservista, carteira de trabalho ou carteira nacional de habilitação). Não será admitida a certidão de nascimento nem de casamento.

Todos os eleitores brasileiros votam na urna eletrônica. O primeiro voto será para o cargo de vereador (cinco dígitos) e depois para prefeito (dois dígitos). Ao final da votação, a urna eletrônica exibe a palavra “FIM” e emite um sinal sonoro indicando a conclusão do voto.

O eleitor que não puder comparecer ao seu local de votação e, em consequência, não votar, deve justificar a ausência. A justificativa pode ser feita no dia da eleição em um dos postos de justificativa ou em até 60 dias após a ausência.

Prazos

Nesta quinta-feira (29) foi último dia do horário eleitoral gratuito no rádio e na televisão, de debates, bem como de comícios e reuniões públicas. A sexta-feira (30) é o último dia para propaganda em jornal impresso e a reprodução, na internet, de jornal impresso.

O sábado (1º de outubro) é o último dia para a propaganda eleitoral mediante altofalantes ou amplificadores de som, entre as 8 horas e as 22 horas. Prazo final, até as 22 horas, para distribuição de material gráfico e promoção de caminhada, carreata, passeata ou carro de som.

O que é permitido no dia da votação?

No dia da votação, é permitida só manifestação individual e silenciosa da preferência pelo partido ou candidato. O eleitor também pode levar os números dos candidatos anotados, pois facilita e agiliza a votação.

O que não é permitido no dia da votação?

Fazer boca de urna no dia da eleição, ou seja, divulgar propaganda de partidos ou candidatos com alto-falantes, comícios ou carreatas, por exemplo. O eleitor também não pode usar celular, máquina fotográficas, filmadoras, ou qualquer outro dispositivo que comprometa o sigilo do voto.

Busca

Mimoso in foco 2013 - Todos os direitos reservados
renatoalcantara.com